Voltar à Página Inicial

O reforço André Almeida



É muitíssimo frequente vermos jogadores de considerável potencial serem descartados pelos clubes que os formaram, devido à entrada de novos reforços no plantel, ou simplesmente por excesso de concorrência para a posição que ocupam.

É também frequente vermos jogadores lusos a serem preteridos em favor de reforços estrangeiros de qualidade duvidosa, suscitando a frustração, sobretudo entre os jogadores mais jovens. Aos dispensados, não resta então outra opção que não seja tentarem afirmar-se num clube menor.

Muitas vezes, isto resulta num "desaparecimento" do jogador dos grandes palcos, tornando-se aquilo a que se chama uma "promessa adiada"; no caso de haver talento fora do comum, pode não constituir necessariamente uma pecha.

É neste contexto que vamos encontrar o nosso jogador de hoje num clube de média dimensão do campeonato português, após ter sido dispensado de um emblema maior. Não querendo pendurar as chuteiras aos 17 anos, André Almeida transitou do Sporting para o Alverca, mais tarde progrediu para o Belenenses, e procura agora afirmar-se na equipa sénior do clube do Restelo. Para já, conseguiu ser um dos eleitos para a pré-época do clube azul, bem como um dos convocados para a mais recente campanha da Selecção sub-19. Conheça mais este jovem talento português.

André começou a sua carreira "no Loures, com nove, dez anos". "No início era mais para entreter, por lazer, mas depois o futebol começou a tornar-se uma paixão para mim", explica o jovem jogador. Na sequência das boas exibições que realizava no Loures, o jovem atraiu a atenção do Sporting, que o recrutou para as camadas jovens. Era então infantil de segundo ano. No entanto, logo na época seguinte, André Almeida foi cedido ao Alverca, num empréstimo com a duração de quatro temporadas. "O Sporting disse que era um empréstimo, mas quatro temporadas, para mim, é uma dispensa", declara o jovem, sem esconder a desilusão na voz.

Terminado este período no emblema ribatejano - e sendo já júnior de primeiro ano - André juntou-se ao Belenenses. No entanto, uma lesão impediu a sua afirmação imediata no clube, embora não tenha obstado a que o internacional sub-19 fosse adicionado ao plantel sénior para 2008/2009.

Polivalência atacante

Um dos factores que pode consagrar André Almeida é a sua polivalência. O jovem realiza todas as posições na frente de ataque, embora jogue "mais vezes a médio interior direito ou esquerdo". No entanto, o jovem confessa que "a minha posição preferencial é a de médio-ofensivo". Casemiro Mior, seu treinador nos seniores do Belenenses, percebeu isso e potenciou o gosto do jovem pela posição. "O treinador tem-me dado oportunidade de mostrar essa posição", diz André Almeida. "É nela que me sinto bem, e espero demonstrar qualidades nessa posição".

Em relação aos seus pontos fortes e fracos - a habitual auto-avaliação - André Almeida é igualmente objectivo. "Penso que a qualidade de passe é um ponto forte. E não saber jogar com o corpo talvez seja o meu ponto mais fraco. Não saber proteger bem a bola...", considera o jogador. E reconhece que a sua pouca envergadura física - apesar de alto - também pode ser um problema. Por isso mesmo, André deveria fazer "horas extra" no ginásio do Belenenses. Mas a lesão contraída à chegada ao Belenenses continua a condicioná-lo. "Todos temos um programa de treino de ginásio, mas eu, por causa do problema que tive nas costas, ainda não posso fazer exercícios para os membros superiores", explica o médio polivalente.

Em suma, André Almeida é o típico jogador com talento, mas que não "encaixa" nos planos dos "grandes". No Belenenses, o jovem encontrou um clube de uma dimensão considerável onde pode explanar o seu futebol e, quem sabe, atrair atenções internacionais.

Nome: André Gomes Magalhães de Almeida.
Data de Nascimento: 10/09/1990 (17 anos).
Altura: 1,86m.
Peso: 75kg.
Posição: Médio interior/Médio-ofensivo.
Clube: Clube de Futebol Os Belenenses.

Etiquetas: , ,




Enviar link por e-mail

Imprimir artigo

Voltar à Página Inicial


Weblog Commenting and 
Trackback by HaloScan.com eXTReMe Tracker